Homem escala torre e deixa cidades sem energia em SP

Depois de brigar com a mulher, o pintor Reginaldo Domingues Rocha, de 49 anos, subiu em uma torre de energia na região central de Sorocaba (SP) no início da tarde desta quinta-feira e ameaçava se jogar. A torre sustenta cabos de distribuição de energia elétrica de 80 mil volts e, para evitar que o homem fosse eletrocutado, a concessionária desligou o sistema.

JOSÉ MARIA TOMAZELA, Agência Estado

22 Março 2012 | 18h29

Toda a região central e a zona leste de Sorocaba ficaram sem energia durante uma hora e meia. O blecaute atingiu ainda as cidades de Capela do Alto, Iperó, Araçoiaba da Serra e Boituva, em um total de 400 mil pessoas.

De acordo com a Polícia Militar (PM), o homem estava embriagado. Mesmo assim, conseguiu pular o alambrado e escalar a torre, que fica na Avenida Dom Aguirre, a principal da cidade. Cerca de 50 policiais militares e bombeiros foram mobilizados para tentar convencer o homem a descer da torre. Familiares de Rocha também foram até o local.

Grande número de curiosos se aglomerou no local. Com os semáforos desligados, o trânsito virou um caos. Rocha só foi resgatado por volta das 16 horas. A energia voltou antes porque a concessionária fez manobras na rede para retomar o fornecimento. O homem foi levado a um hospital e permanecia em observação no início da noite desta quinta-feira.

Mais conteúdo sobre:
briga torre energia

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.