Homem mais rico da China come em cantina e vive com R$ 40 por dia

Zong Qing Hou começou vendendo picolés e hoje tem uma fortuna avaliada em mais R$ 40 bilhões

BBC Brasil, BBC

16 de novembro de 2012 | 08h09

Com uma fortuna de cerca de US$ 20 bilhões, Zong Qing Hou, o homem mais rico da China, disse, em entrevista à BBC que come com seus funcionários na cantina e que gasta, em média, o equivalente a R$ 40 por dia.

"Gasto menos que meus empregados. Acredito na vida simples e dou dinheiro para a caridade. Apesar de ser rico, não serei odiado por isso", disse na sede da sua empresa.

O "gene da frugalidade", no entanto, não parece ter sido "herdado" na família. A BBC foi informada que o Lamborghini estacionado na entrada da empresa pertence à sua filha.

Apesar de ocupar o lugar mais alto no topo da pirâmide econômica de seu país, o bilionário, que começou vendendo picolés, de bicicleta, 25 anos atrás, disse acreditar que o próximo líder do país tenha de enfrentar a crescente desigualdade da China.

"Muitos aqui ainda são pobres. Esse fosso social se tornou um problema enorme e fonte de muita insatisfação", disse. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Tudo o que sabemos sobre:
alsoZong Qing Houricochinaempresário

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.