Hospital tem R$ 300 mil em remédios roubados em SP

Com crachá falso, assaltante obriga funcionário a levá-lo até o estoque de remédios

Solange Spigliatti, do estadao.com.br,

30 de novembro de 2007 | 09h54

Três ladrões invadiram o setor de distribuição de remédios do hospital Brigadeiro, na zona sul de São Paulo, e roubaram cerca de R$ 300 mil em remédios, segundo informações da Secretaria Estadual de Saúde.   Os bandidos armados entraram na farmácia, que possui apenas medicamentos receitados para tratamento contra o câncer, e renderam nove funcionários. Foram levados de quatro a cinco tipos de medicamentos, de acordo com a secretaria. Um dos assaltantes, que estava com um crachá falso do hospital, obrigou um dos funcionários a levá-lo até o prédio ao lado, em outro setor de estoque, mas voltou sem roubar nada. Os bandidos fugiram e ninguém ficou ferido.   Este é o segundo assalto às farmácias de hospitais públicos em cerca de dois meses. Anteriormente, o Hospital Emílio Ribas também teve sua farmácia assaltada.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.