Hospital terá de pagar R$ 3,6 mi para paciente

Um caso de negligência médica gerou indenização de R$ 3,6 milhões em Montes Claros, a 420 km de Belo Horizonte. Delvair dos Santos, hoje com 19 anos, foi internado com um quadro de anemia quando tinha apenas 3 anos. Recebeu soro fisiológico e sofreu uma cirurgia em sua cabeça. O erro médico fez com que ficasse inválido desde então. A ação judicial ficou parada quase 10 anos na Justiça. Em 2007, o Supremo Tribunal Federal considerou procedente a ação. No último dia 7 realizou-se o bloqueio dos bens do dono do hospital, Gilson de Quadros. O imóvel deverá ser penhorado.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.