Ibama apreende madeira irregular em Osasco-SP

Fiscais do Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama) retiraram ontem à noite mais uma carreta carregada com madeira irregular encontrada num depósito de material de construção no município de Osasco, na Grande São Paulo. Desta vez, foram 17 m3 de cambará rosa, sem origem legal, que estavam sendo vendidos também sem qualquer tipo de licença. Com mais esse carregamento, o Ibama completou a retirada de 100 m3 de madeira nativa desde a última sexta-feira.Segundo a superintendente estadual do Ibama, Analice de Novais Pereira, o órgão vai continuar retirando toda a madeira ilegal encontrada em depósitos ou madeireiras. Ela informa também, que durante as remoções, toda madeira é medida meticulosamente pelos fiscais. Caso seja identificada uma diferença, o proprietário da empresa que for fiel depositário será denunciado imediatamente à Justiça.

PAULO R. ZULINO, Agencia Estado

27 de novembro de 2007 | 13h00

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.