IGP-10 desacelera alta a 1,19% em abril, diz FGV

O Índice Geral de Preços-10 (IGP-10) registrou avanço de 1,19 por cento em abril, ante elevação de 1,29 por cento em março, com o alívio nos preços no atacado compensando a aceleração da alta no varejo, mostraram dados divulgados nesta segunda-feira pela Fundação Getulio Vargas (FGV).

Reuters

14 Abril 2014 | 08h18

O Índice de Preços ao Produtor Amplo-10 (IPA-10), que mede a variação dos preços no atacado e responde por 60 por cento do índice geral, subiu 1,42 por cento, após alta de 1,65 por cento em março.

Já o Índice de Preços ao Consumidor-10 (IPC-10), que responde por 30 por cento do índice geral, avançou 0,88 por cento, acelerando ante a alta de 0,70 por cento no mês anterior.

O Índice Nacional de Custo da Construção-10 (INCC-10), por sua vez, subiu 0,39 por cento, após 0,31 por cento em março.

O IGP-10 calcula os preços ao produtor, consumidor e na construção civil entre os dias 11 do mês anterior e 10 do mês de referência.

(Por Camila Moreira)

Mais conteúdo sobre:
MACRO IGPDEZ*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.