Igreja encobriu abusos

A Igreja Católica irlandesa encobriu abusos sexuais cometidos por 46 padres contra 320 meninos e meninas durante décadas. Publicado ontem, o relatório do Ministério da Justiça sobre a arquidiocese de Dublin - o segundo em seis meses - acusa os quatro arcebispos que se sucederam de 1975 a 2004 de proteger os criminosos.

AFP, DUBLIN, O Estadao de S.Paulo

27 de novembro de 2009 | 00h00

"A preocupação da arquidiocese de Dublin foi manter o segredo, evitar o escândalo, proteger a reputação da Igreja e conservar seus bens", afirma o documento de 700 páginas, resultado de três anos de investigação. O documento também acusa o Estado de omissão.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.