Impacto de correção na tabela do IR é de R$5,3 bi em 2015, estima Fazenda

O Ministério da Fazenda estima em 5,3 bilhões de reais o impacto do reajuste de 4,5 por cento da tabela do Imposto de Renda da Pessoa Física na arrecadação federal de 2015, de acordo com nota divulgada nesta quinta-feira.

Reuters

01 de maio de 2014 | 17h52

O reajuste da tabela do IR foi anunciado pela presidente Dilma Rousseff em cadeia de rádio e televisão na quarta-feira. O percentual é o mesmo concedido para a tabela vigente em 2014 e está abaixo da previsão de inflação para este ano.

Com o reajuste, estarão isentos do recolhimento trabalhadores que recebem até 1.868,22 reais, contra 1.787,77 reais atualmente. Também foi reajustada a dedução simplificada opcional para 16.595,53 reais, ante 15.880,89 reais neste ano.

A presidente também anunciou reajuste de 10 por cento nos benefícios do Bolsa Família, mas a Fazenda não informou o impacto fiscal da medida.

(Por Priscila Jordão)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROIRPFIMPACTO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.