Incêndio em Santos atingiu 180 mil toneladas de açúcar

A Copersucar informou nesta sexta-feira, 18, por meio de nota, que o incêndio no terminal da empresa no Porto de Santos atingiu cerca de 180 mil toneladas de açúcar bruto. Segundo a empresa, as causas do incidente ainda não são conhecidas e estão sendo investigadas. A companhia havia informado mais cedo que os armazéns atingidos pelo fogo comportavam até 300 mil toneladas, mas eles não estavam cheios no momento do acidente.

LETICIA PAKULSKI, Agência Estado

18 Outubro 2013 | 18h21

"No momento, a companhia está desenvolvendo um plano de contingência para suas operações, buscando minimizar os impactos do incidente", destacou a Copersucar, sem detalhar qualquer alteração em seus prazos de entrega. O incêndio foi controlado pelos bombeiros e as operações de rescaldo continuam.

A Copersucar ressaltou ainda que, dos quatro funcionários que ficaram feridos, três deles permanecem hospitalizados, em observação. Nenhum deles corre risco de morte. "A Copersucar está prestando todo o apoio necessário aos feridos e aos seus familiares", salientou.

Mais conteúdo sobre:
incêndioSantosCopersucar

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.