Incêndios fazem BA decretar emergência em 20 cidades

O governo da Bahia decretou situação de emergência em 20 municípios da Chapada Diamantina e da Serra Geral, na região central do Estado, por causa dos incêndios que já atingiram mais de mil hectares de vegetação na área. As cidades são Abaíra, Andaraí, Barra da Estiva, Boninal, Bonito, Dom Basílio, Érico Cardoso, Ibicoara, Iraquara, Jussiape e Lençóis, Livramento de Nossa Senhora, Mucugê, Palmeiras, Piatã, Rio de Contas, Rio do Pires, Seabra, Utinga e Wagner.Segundo o coordenador estadual de Defesa Civil, Antônio Rodrigues dos Santos, com o decreto, os trabalhos para o controle dos focos, que estavam sendo realizados isoladamente, serão unificados e intensificados. "Estamos trabalhando para ampliar o contingente de brigadistas e adquirir veículos que dêem suporte aos serviços, pois existem muitas dificuldades de acesso na região", explica.Santos afirma que a ocorrência de queimadas na área dos municípios atingidos é comum a partir de setembro, época em que termina o período de chuvas na região, a temperatura sobe e a umidade relativa do ar baixa. Este ano, porém, a situação foi agravada pelo término do período de chuvas há mais de três meses.Segundo dados da Defesa Civil, cerca de 100 bombeiros e 150 voluntários estão trabalhando na contenção dos focos de incêndio na região. De acordo com Santos, a Companhia de Proteção de Polícia Ambiental (Coppa), o Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis (Ibama), a Casa Militar do Estado, o Instituto Nacional de Colonização e Reforma Agrária (Incra) e a Petrobras estão dando apoio aos trabalhos. A Casa Civil do governo também disponibilizou helicópteros e outros três estão sendo alugados pela Coordenação Estadual de Defesa Civil (Cordec) para acelerar os trabalhos.

TIAGO DÉCIMO, Agencia Estado

08 de novembro de 2007 | 19h46

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.