ÍNDICE Pra começo de conversa Índice

18/1 A 24/1

O Estado de S.Paulo

18 de janeiro de 2013 | 02h09

4. Curiocidade

8. Capa

18. Gastronomia

31. Quitutes

32. Bares

35. Balada

36. Cinema

38. Cri-crítico

61. Teatro

72. Humor

74. Música

84. Exposições

90. Crianças

94. Passeios

98. Crônica

Já imaginou se a cidade tivesse trilha sonora? E que ela mudasse dependendo do percurso feito por você em um determinado parque, praça ou avenida? Os irmãos americanos Ryan e Hays Holladay criaram um app que faz exatamente isso. Ou melhor: eles compõem trilhas para lugares específicos, que são ativadas pelo GPS do iPhone. "Pense no app como um álbum do tipo escolha-a-sua-aventura", dizem eles no vídeo que explica o projeto (www.bluebra.in). Se você planeja ir a Washington ou Nova Iorque, baixe o app. Os álbuns só tocam se você estiver no National Mall ou no Central Park.

Claro que nós aqui no Divirta-se piramos com a ideia. Ainda mais na semana em que estreia o novo filme de Tarantino, célebres entre outras coisas por suas trilhas sonoras sensacionais. Embora os irmãos Holladay ainda não licenciem sua tecnologia para outros artistas, passamos dias sonhando com trilhas paulistanas. Que música você acha que tocaria no Minhocão? E em uma ciclofaixa? Canta pra gente, vai. Camila Hessel

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.