Infraero registra atrasos em 23% dos vôos no País

No Rio, em Brasília e nos dois aeroportos de São Paulo, cerca de 1/4 dos vôos tiveram atrasos

Fabiana Marchezi, estadao.com.br

20 Novembro 2008 | 20h37

O índice de vôos atrasados nos aeroportos brasileiros atingiu 23% das 1.632 operações previstas até as 20 horas desta quinta-feira, 20. Segundo o boletim mais recente da Infraero, 58 vôos foram cancelados, o que representa 3,7% do total programado.   Em São Paulo, o Aeroporto de Congonhas registrou 59 atrasos de um total de 215 vôos previstos (27,4%). Os cancelamentos no aeroporto da capital paulista atingem 8,8% das operações. Em Guarulhos, 24,1% dos 174 vôos programados tiveram atrasos superiores a meia hora e 2,9% foram suspensos.   No Rio de Janeiro, os passageiros de 32,1% das operações do aeroporto Internacional Tom Jobim aguardaram mais de meia hora para embarcar ou desembarcar. Ali, dos 156 vôos programados, 50 atrasaram e seis foram cancelados (8,3%).  Já no Aeroporto de Brasília, no Distrito Federal, dos 141 vôos previstos, 39 atrasaram (27,7%) e três foram suspensos (2,1%).

Mais conteúdo sobre:
aeroportos movimento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.