Infraero: vôos em atraso são 15% do total até 10 horas

A situação nos aeroportos brasileiros neste domingo está mais tranqüila do que a registrada ontem, quando chuvas fortes no Norte e Nordeste do País e um problema operacional nas companhias Gol e Varig causaram atrasos. Dos 454 vôos programados entre zero hora e 10 horas de hoje em todo o País, 69 registraram atrasos (15% do total). No mesmo período, dez vôos foram cancelados (2,2%). No aeroporto Juscelino Kubitschek, em Brasília, o mais afetado no sábado (às 17 horas de ontem, 75,9% dos vôos apontavam atrasos), a situação está melhor hoje. Dos 27 vôos previstos, cinco sofreram atrasos entre zero hora e 10 horas, o que corresponde a 18,5% do total. No Aeroporto Internacional de Cumbica, em Guarulhos, o índice ainda é elevado. Dos 76 vôos programados, 21 atrasaram (27,6%). Em Congonhas, dois dos 33 vôos previstos atrasaram (6,1%). No Aeroporto Internacional do Rio de Janeiro (Galeão), cinco dos 41 vôos sofreram atrasos (12,2%). De acordo com a assessoria de imprensa da Empresa Brasileira de Infra-Estrutura Aeroportuária (Infraero), as empresas aéreas ainda estão se adaptando ao fluxo intenso de vôos nas férias de verão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.