Integração lavoura e pecuária faz a diferença

Voltando às origens, o Circuito Boi Verde de Julgamento de Carcaças realizou em novembro uma etapa em Rolim de Moura (RO), onde ocorreu o primeiro de todos os abates do campeonato. Com um lote de 36 animais, a Fazenda Juliana, em Chupinguaia, a 700 quilômetros de Porto Velho, foi a campeã da etapa. A propriedade, cujo rebanho é de 15 mil cabeças, é do empresário Alceu Elias Feldman. Conforme o engenheiro agrônomo e gerente da fazenda Nadir Razini, ao todo são quatro propriedades no Norte do País que somam 45 mil cabeças. Todas as fazendas fazem integração com lavoura de soja. "A integração é muito importante, pois o cultivo da lavoura favorece a recuperação de pastagens degradadas e as áreas de pastagens contribuem para o bom desenvolvimento das lavouras." É a primeira vez que a fazenda participa do campeonato e, segundo Razini, o sucesso vem de mais de 30 anos de trabalho dedicados à pecuária. "Feldman começou, com a cria, em Naviraí (MS) e, em 1984, veio para o Norte, quando passamos só a recriar e a engordar", contou. Para Razini, o campeonato é uma ótima oportunidade de interação com os outros produtores. A etapa de novembro abateu 468 animais de 13 produtores no frigorífico Independência.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.