Inter vai para tudo ou nada no Recife

Mário Sérgio convocou seis atacantes, acenou com um Internacional mais ofensivo, mas não deve mexer no time que enfrenta o Sport amanhã, no Recife - deve manter a escalação vitoriosa utilizada nos jogos contra o Santos e o Atlético-MG.

Elder Ogliari, O Estadao de S.Paulo

28 de novembro de 2009 | 00h00

O grupo chegou na quinta-feira ao Nordeste e ontem realizou um treino no Estádio do Arruda. Hoje pela manhã, fará um trabalho no local da partida, a Ilha do Retiro. Embora esconda suas estratégias, Mário Sérgio deixou transparecer que diante de um adversário já rebaixado, desfalcado de cinco titulares e com torcida desmotivada, a ordem será atacar.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.