IPC-S acelera para 0,89% na 2ª quadrissemana de janeiro--FGV

O Índice de Preços ao Consumidor Semanal (IPC-S) acelerou a alta a 0,89 por cento na segunda quadrissemana de janeiro, depois de avançar 0,77 por cento no período anterior, informou Fundação Getúlio Vargas (FGV) nesta quarta-feira.

Reuters

16 de janeiro de 2013 | 08h18

Quatro dos oito grupos que compõem o índice aceleraram a alta de preços na segunda quadrissemana de janeiro: Educação, Leitura e Recreação (1,26 por cento para 2,09 por cento), Alimentação (1,57 por cento para 1,78 por cento), Despesas Diversas (2,20 por cento para 3,24 por cento) e Habitação (0,26 por cento para 0,32 por cento).

Nestas classes de despesa destacaram-se, respectivamente, os comportamentos de cursos formais (1,81 por cento para 4,07 por cento), hortaliças e legumes (5,35 por cento para 11,20 por cento), cigarros (5,09 por cento para 7,22 por cento) e móveis para residência (-0,32 por cento para 0,43 por cento).

Por sua vez, registraram decréscimo nas taxas de variação os grupos Vestuário (0,64 por cento para 0,13 por cento), Transportes (0,34 por cento para 0,30 por cento), Saúde e Cuidados Pessoais (0,58 por cento para 0,56 por cento) e Comunicação (0,04 por cento para 0,02 por cento).

Os preços no atacado voltaram a subir no final do ano passado após registrarem deflação, com a alta dos preços no varejo acelerando. Entretanto, o Índice Geral de Preços-Mercado (IGP-M) mostrou uma leve desaceleração no início deste ano.

Na primeira prévia de janeiro, o IGP-M registrou alta de 0,41 por cento, ante elevação de 0,50 por cento no mesmo período de dezembro.

(Por Camila Moreira; Edição de Tiago Pariz)

Tudo o que sabemos sobre:
MACROIPCS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.