Irmão de Bernard Madoff deve se delcarar culpado de fraudes

Peter Madoff, irmão de Bernard Madoff, deve se declarar culpado de acusações criminais na sexta-feira, o primeiro membro da família a fazê-lo desde que o esquema fraudulento de Ponzi (um tipo de pirâmide) foi descoberto em dezembro de 2008.

REUTERS

27 de junho de 2012 | 20h29

Em uma carta enviada nesta quarta-feira na Corte Federal em Manhattan, o advogado Preet Bharara disse que Peter Madoff deve admitir culpa em acusações de conspiração para cometer fraudes com valores mobiliários e outros crimes, como o de falsificar documentos.

Ele aceitou não buscar uma outra sentença de dez anos de prisão.

Maddoff também aceitou como sentença pagamento em dinheiro, que inclui todos os imóveis e propriedades pessoais, disse a carta.

John Wing, o advogado de Madoff, não respondeu imediatamente aos pedidos para comentar.

(Por Basil Katz em Nova York e Jonathan Stempel em Washington)

Tudo o que sabemos sobre:
FINANCASMADOFFLEGAL*

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.