Irmão diz que não tentou afastar Mércia e Mizael

Márcio Nakashima disse nesta segunda-feira, em julgamento que acontece no Fórum Criminal de Guarulhos (SP), que não tentou afastar Mércia e Mizael, ao responder pergunta do advogado Wagner Garcia, que defende Mizael Bispo de Souza. Na sequência, Garcia perguntou o motivo da separação. "Por ele ser possessivo. Teve situação que ele não quis que a Mércia conversasse com minha irmã, com minha prima, e isso em festa. Não queria que falasse comigo, porque estávamos brigados", respondeu Márcio.

AE, Agência Estado

11 de março de 2013 | 14h01

Ele disse que nunca presenciou uma discussão entre Mércia e Mizael por causa de honorários, ao ser questionado pelo advogado. "Se tivesse presenciado, talvez isso não tivesse acontecido."

Tudo o que sabemos sobre:
Caso Mérciajulgamentoirmão

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.