Isabella: transferidas 2 presas por ameaçar Anna Jatobá

Duas presidiárias acusadas de ameaçar de morte Anna Carolina Jatobá, madrasta de Isabella Nardoni, foram transferidas ontem de madrugada da Penitenciária de Tremembé, no Vale do Paraíba, para a Penitenciária Feminina de Campinas, no interior. As detentas estavam na mesma ala de Anna Jatobá, acusada junto com o marido Alexandre Nardoni pela morte da menina. Segundo fontes do sistema prisional, ambas tentaram agredi-la anteontem à noite, assim que ela retornou do Fórum de Santana, zona norte da capital.Por causa das ameaças, as presas foram removidas às pressas. Ambas seguiram para o setor de inclusão, onde devem permanecer pelo menos 15 dias. A Penitenciária Feminina de Campinas tem capacidade para 528 detentas, mas abriga 880. O presídio é dominado pelo Primeiro Comando da Capital (PCC).A Secretaria da Administração Penitenciária (SAP) não confirmou nem desmentiu a transferência das presas. A pasta informou que, por razões de segurança, não se manifesta sobre remoções. As informações são do Jornal da Tarde.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.