Italiana Enel assina pacto com maior transmissora de energia da China

A companhia italiana de energia elétrica Enel assinou um pacto nesta terça-feira com a maior companhia de distribuição de energia da China para avaliar o desenvolvimento de tecnologias de redes inteligentes e fontes de energia renovável.

Reuters

08 Abril 2014 | 09h53

Os níveis crescentes de poluição do ar na China levaram o país a se diversificar, se afastando do carvão na geração de energia rumo a combustíveis com queima mais limpa como gás e renováveis.

O memorando de entendimento da Enel com a State Grid Corporation of China , a maior companhia de transmissão de energia do mundo, visa enfrentar estas questões, disse a Enel em um comunicado

"O acordo de hoje marca o início de uma importante parceria que reconhece a potencial contribuição da Enel através de sua tecnologia e experiência", disse o presidente-executivo da Enel, Fulvio Conti, em um comunicado.

A Enel disse que planeja assinar um acordo de estrutura de cooperação com a China Uaneng GRoup, uma das cinco maiores companhias elétricas da China, na primeira metade deste ano.

O acordo terá como objetivo impulsionar o desenvolvimento conjunto de tecnologia, a estratégia de carbono e investimento no setor de energia, disse a companhia italiana.

A crescente economia chinesa vai responder por 31 por cento da demanda global de eletricidade até 2035, segundo a Agência Internacional de Energia.

Mais conteúdo sobre:
ITALIA ENEL TRANSMISSORA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.