Itamaraty informa acordo para liberar turistas no Chile

O Ministério dos Relações Exteriores informou há pouco que já foi feito um acordo com os manifestantes chilenos que bloquearam os acessos à Terra do Fogo para que todos os turistas que estão no região possam passar pelas barricadas e voltar aos seus países. Segundo o Itamaraty, o Consulado brasileiro conseguiu um acordo para que os turistas passem pelos bloqueios. Cerca de 140 turistas brasileiros ficaram retidos na região, por causa de protestos organizados desde quarta-feira (13) pela população local contra o aumento no preço do gás.

EQUIPE AE, Agência Estado

15 de janeiro de 2011 | 18h31

Mais de mil turistas de diversas nacionalidades estão na Terra do Fogo. As autoridades chilenas afirmaram que há possibilidade de desabastecimento caso as barricadas não sejam desfeitas. Mais cedo, o brasileiro Guilherme Miqueluteti, que está na localidade de Puerto Natales, havia informado que a Cruz Vermelha Internacional tentava fazer um acordo para retirá-los da região. As informações são da Agência Brasil.

Tudo o que sabemos sobre:
Chileprotestoturistas

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.