Itaú BBA lidera ranking da Anbima de fusões do 1o trimestre

O Itaú BBA foi o líder na coordenação de fusões e aquisições envolvendo empresas brasileiras no primeiro trimestre, segundo ranking da Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais (Anbima) divulgado nesta quinta-feira.

REUTERS

10 Maio 2012 | 16h13

O braço de banco de investimentos do Itaú Unibanco coordenou oito operações entre janeiro e março, que juntas movimentaram 7,73 bilhões de reais.

Em segundo, o Goldman Sachs foi o coordenador responsável por três negócios, com um montante financeiro de 4,69 bilhões de reais, seguido por Bradesco BBI, do Bradesco, com 3,65 bilhões de reais, também em três transações, de acordo com a Anbima.

O levantamento considera um total de 25 transações de fusões e aquisições de janeiro a março.

(Por Aluisio Alves)

Mais conteúdo sobre:
FINANCAS RANKING FUSOES ANBIMA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.