Ivan Achcar abre uma casa de "pê-efões", em Perdizes

Uma mistura de "PF com botequim", que servirá "pê-efões até no final de semana, para a família comer com vinho". É assim que o chef Ivan Achcar, do Alma Cozinha, descreve seu novo projeto, que pretende inaugurar em um mês - se assim permitir o andamento da obra.

O Estado de S.Paulo

07 Agosto 2014 | 02h08

O restaurante vai ser instalado na esquina das Ruas Cayowaá e João Ramalho, em Perdizes, num prédio centenário, que está sendo renovado para receber a casa. Para dar um ar de "clássico do bairro", os balaústres originais serão mantidos, as portas vêm de demolição e até as cores das paredes tentam reproduzir as usadas há décadas na região.

Ainda sem nome, a casa vai servir no almoço tradicionais pê-efes - que podem ser arroz com feijão e contra (filé), dobradinha e carne de panela, entre outras receitas.

O cardápio ainda não foi totalmente definido, mas vai tratar de receitas "resgatadas da memória", que Achcar recuperou de conversas com familiares.

O preço, diz o chef, vai ser "bom, para poder comer todo dia". Os valores, porém, ainda não foram fixados.

Já à noite, o perfil da casa muda para um boteco de inspiração paulistana. Os pê-efes darão lugar a petiscos tradicionais de São Paulo.

E, para beber, cerveja (incluindo rótulos nacionais), cachaça e vinho. Assim como o Alma, o novo endereço vai contar com um empório anexo.

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.