Japão diz que operadora de usina não será nacionalizada--agência

A Tokyo Electric Power Co (Tepco), empresa que opera a usina nuclear Fukushima Daiichi atingida pelo terremoto, não será nacionalizada, afirmou o ministro do Comércio japonês, Banri Kaieda, segundo a agência de notícias Jiji, na sexta-feira (horário local).

REUTERS

14 de abril de 2011 | 22h34

A Tepco pagará 50 bilhões de ienes (599 milhões de dólares) em compensação provisória para os moradores que vivem perto da usina e que foram retirados desde que os sistemas de refrigeração foram danificados pelo devastador terremoto seguido de tsunami de 11 de março, disse Kaieda, segundo a agência.

(Reportagem de Chisa Fujioka)

Mais conteúdo sobre:
JAPAOUSINANEGA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.