Japão envia Hello Kitty ao espaço

A Hello Kitty, a embaixadora de fofura do Japão, está partindo em uma missão ao espaço financiada pelo governo japonês. O projeto para colocar a gata branca com laço rosa da Sanrio em órbita faz parte do esforço do primeiro-ministro, Shinzo Abe, para promover a indústria de alta tecnologia do país e engendrar o crescimento econômico.

REUTERS

14 Agosto 2014 | 09h59

Uma boneca Hello Kitty de 4 centímetros está a bordo do satélite Hodoyoshi-3, olhando por uma janela para a Terra, anunciou a Sanrio nesta semana.

O satélite, que é do tamanho de uma grande lata de lixo, foi desenvolvido por pesquisadores japoneses como parte de um programa de 40 milhões de dólares financiado pelo ministério de Educação e Ciência.

O objetivo do projeto é fazer com que mais companhias privadas se interessem em trabalhar com satélites, disse Toshiki Tanaka, pesquisador responsável pelo projeto no centro de nano-satélites da Universidade de Tóquio.

Os desenvolvedores escolheram a Sanrio como sua primeira parceira privada após avaliarem que isso pode fazer com que os muitos fãs da Hello Kitty se interessem pelo espaço, disse Tanaka.

A Hello Kitty, que completa 40 anos de criação em 2014, é a personagem mais popular da Sanrio. A gatinha sem boca se tornou um símbolo da cultura japonesa de "kawaii", ou "fofo" em tradução literal, e é usada para vender de tudo, desde bichos de pelúcia até aeronaves.

Mais conteúdo sobre:
TECH HELLOKITTY ESPACO*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.