Japão quer 40 mil carros movidos a biomassa ao ano

O governo japonês planeja colocar emcirculação 40 mil carros ao ano movidos a biomassa, informaramfontes oficiais. A matéria-prima da biomassa serão resíduos de madeira, e o projetooficial prevê a construção de cem estações distribuidoras docombustível nas províncias de Kanto, cuja capital é Tóquio, eKansai, no oeste do Japão, segundo a agência Kyodo. O Ministério do Meio Ambiente pedirá ao de Finanças um fundo dedez bilhões de ienes (US$ 86 milhões) no Orçamento do próximo anofiscal para financiar o projeto, que pode receber incentivosfiscais. O novo combustível, chamado "E3", consiste em gasolina com 3% debioetanol elaborado a partir de resíduos de madeira, e será produzidoem uma nova fábrica que está sendo construída na cidade de Osaka. Ameta de produção é de 47 milhões de litros ao ano. Devido ao fato de que a biomassa é gerada a partir dos produtosagropecuários e florestais, os analistas ressaltam seu forte efeitoredutor das emissões de dióxido de carbono, principal gás causadordo aquecimento global.

Agencia Estado,

24 de agosto de 2006 | 12h42

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.