Japão tem mais de 100 milhões de usuários de celular

O Japão superou em janeiro a barreira das 100 milhões de linhas de telefonia celular pela primeira vez, informou nesta quarta-feira, 7, a agência de notícias Kyodo. Quase oito de cada dez japoneses têm telefone celular, o que representa um recorde para o país, onde esta tecnologia prolifera graças às tarifas mais baixas e aos serviços oferecidos pelas companhias japonesas, como música e acesso à internet. Atualmente, o uso do celular está se expandindo entre os jovens e também entre a terceira idade, como uma ferramenta que proporciona segurança e ajuda a localizá-los em caso de emergência. Segundo dados da Telecommunications Carriers Association, o Japão chegou às 100.224.500 linhas de celular em operação em janeiro, o que representa uma penetração desta tecnologia de 78%. A NTT DoCoMo é a primeira operadora japonesa em volume de linhas contratadas com mais de 50% do mercado, seguida pela KDDI e pela Softbank.

Agencia Estado,

07 Fevereiro 2007 | 12h24

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.