Jobim: Defesa seguirá plano de Temporão contra dengue

O ministro da Defesa, Nelson Jobim, disse hoje que caberá ao Ministério da Saúde definir como será o emprego das Forças Armadas no combate à dengue no Rio de Janeiro. "O Ministério da Defesa e as Forças Armadas atenderão a linha definida pelo ministro Temporão (da Saúde)". Ele não quis falar quantos homens serão destacados para este trabalho e nem quando efetivamente eles entrarão em operação.Jobim avisou que não quer politizar essa questão, numa referência à discussão entre os governos federal, estadual e municipal para apontar o responsável pelo problema. "Nós temos é de combater a dengue e resolver o problema da dengue no sentido de ajudar a população e evitar qualquer juízo político em relação a isso. Eu não faço nenhum juízo político sobre esta questão", desabafou.

TÂNIA MONTEIRO, Agencia Estado

25 de março de 2008 | 15h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.