Johnson & Johnson tem resultado acima das expectativas por novos medicamentos

A Johnson & Johnson divulgou resultados trimestrais muito acima das expectativas de Wall Street, uma vez que fortes vendas de novos medicamentos compensaram as vendas fracas de bens de consumo, e elevou levemente sua perspectiva para o lucro anual.

Reuters

15 Abril 2014 | 10h52

A Johnson & Johnson disse nesta terça-feira que lucrou 4,73 bilhões de dólares, ou 1,64 dólar por ação, no primeiro trimestre, ante 3,5 bilhões de dólares, ou 1,22 dólar por papel, no mesmo trimestre do ano anterior, quando a companhia diversificada de saúde contabilizou um grande encargo jurídico.

Excluindo itens especiais, a Johnson & Johnson teve lucro de 1,54 dólar por ação. Analistas esperavam em média 1,48 dólar por papel, segundo a Thomson Reuters I/B/E/S.

As vendas cresceram 3,5 por cento para 18,1 bilhões de dólares no trimestre, superando as previsões de 18 bilhões de dólares em Wall Street.

A Johnson & Johnson diz que agora espera que o lucro para o acumulado do ano fique entre 5,80 dólares e 5,90 dólares por ação, alta ante a projeção anterior divulgada em janeiro de 5,75 a 5,85 dólares por papel.

As vendas globais de remédios controlados saltaram para 7,5 bilhões de dólares.

(Por Ransdell Pierson)

Mais conteúdo sobre:
JOHNSON JOHNSON RESULTS*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.