Jordânia diz ter realizado 56 ataques aéreos em três dias contra Estado Islâmico

O chefe da força aérea da Jordânia disse no domingo que os aviões caça de seu país haviam realizado 56 ataques em três dias de bombardeio intensificado visando um reduto de militantes do Estado Islâmico no nordeste da Síria.

REUTERS

08 Fevereiro 2015 | 11h59

A Jordânia lançou os bombardeios contra posições do grupo jihadista na Síria e no Iraque na quinta-feira em resposta ao assassinato brutal de um piloto jordaniano capturado, uma ação militar que continuou no sábado.

Não havia informações sobre novos ataques contra os militantes no domingo.

(Reportagem de Suleiman Al-Khalidi)

Mais conteúdo sobre:
JORDANIA EI ATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.