Jordanianos ligados a equipe paraolímpica são acusados de ataque sexual

Três homens foram acusados por ataque ocorrido em alojamento em complexo esportivo na Irlanda do Norte.

BBC Brasil, BBC

22 de agosto de 2012 | 10h15

Três homens da equipe paraolímpica da Jordânia foram acusados de cometerem abusos sexuais na Irlanda do Norte.

A equipe está alojada em um complexo esportivo, o Antrim Forum, junto com times de outros países que vão participar dos Jogos Paraolímpicos de Londres, que começam no dia 29.

O abuso teria ocorrido dentro deste complexo esportivo, um dos maiores centros de lazer e esportes da Irlanda do Norte.

Um dos três homens, de 23 anos, recebeu duas acusações de manter atividades sexuais com uma criança, uma acusação de abuso sexual contra uma mulher e outra de voyeurismo.

Um segundo jordaniano, de 35 anos, tem duas acusações de manter atividades sexuais com uma criança. O terceiro envolvido, de 36 anos, foi acusado de abuso sexual contra uma mulher.

A BBC apurou que a ministra dos Esportes da Irlanda do Norte, Caral Ni Chuilin, convocou uma reunião de emergência.

O Conselho Municipal de Antrim, que administra o complexo esportivo, informou que já está ciente das acusações e que a Polícia da Irlanda do Norte iniciou uma investigação. BBC Brasil - Todos os direitos reservados. É proibido todo tipo de reprodução sem autorização por escrito da BBC.

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.