Jovem é acusada de matar o amante no Rio

Crime ocorreu na casa que o homem de 35 anos alugava para se encontrar com a jovem, que tem 16 anos

MARCELO GOMES, Agência Estado

19 de junho de 2013 | 11h36

RIO - Uma adolescente de 16 anos foi apreendida na madrugada desta quarta-feira, 19, após matar com um tiro o amante, 19 anos mais velho, na zona oeste do Rio de Janeiro. O crime ocorreu na casa que o homem alugava para encontrar a menor, no bairro de Paciência. A vítima foi identificada como Newton da Silva Júnior, de 35 anos. Após o crime, a menina foi apreendida por policiais militares do 27º Batalhão (Santa Cruz).

A adolescente contou aos PMs que é nascida no Nordeste, e se mudou para o Rio para viver com o namorado, de 26 anos. Ela, no entanto, acabou se envolvendo com Newton Júnior, que seria casado. De acordo com a versão da menor, no encontro marcado para a noite de terça, 18, o homem teria aparecido armado. Ela alegou que a arma disparou acidentalmente, quando resolveu manuseá-la por curiosidade.

O caso foi registrado como homicídio na 35ª Delegacia de Polícia (Campo Grande). A menina foi encaminhada à Delegacia de Proteção à Criança e do Adolescente (DPCA).

Tudo o que sabemos sobre:
crimeadolescenteRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.