Jovem é suspeito de matar italiano por causa de relacionamento

Homem foi atingido por tiro de espingarda, em Caucaia, pois não teria deixado adolescente namorar sua filha

Carmem Pompeu, especial para O Estado de S.Paulo

12 Janeiro 2009 | 18h09

O italiano Giuseppe Copeluppi, de 59 anos, foi morto com um tiro de espingarda no peito, em sua fazenda, na localidade de Primavera, em Caucaia, no Km 30 da BR-222. O crime aconteceu na noite de sábado e o principal suspeito de tê-lo cometido é o irmão do caseiro da fazenda, um adolescente de 15 anos, que fugiu após efetuar os disparos. Até o final da tarde desta segunda-feira, 12, o jovem ainda não tinha sido capturado, segundo o titular da Delegacia Metropolitana da cidade, delegado Wilton Freitas.   De acordo com as investigações policiais, o adolescente queria namorar a filha do italiano, mas ele era contra o relacionamento por considerar a menina, de 14 anos, ainda muito jovem. Giuseppe morava com a filha na fazenda desde maio do ano passado, quando obteve visto de permanência no Brasil. Ele tinha uma granja na propriedade, onde o adolescente trabalhava cuidando das galinhas. O corpo do italiano foi enterrado no domingo, no Cemitério São João Batista, em Fortaleza. Segundo Freitas, parentes da vítima, por meio do consulado italiano, ligaram para a delegacia em busca de informações. "Como se trata de um crime de grande repercussão e de autoria conhecida, o inquérito será concluído logo e o autor vai responder como manda a Justiça", disse o delegado.Quando for apreendido, o adolescente será encaminhado para a Vara da Infância e da Juventude, podendo ficar internado pelo período máximo de três anos, segundo prevê o Estatuto da Criança e do Adolescente (ECA).

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.