Jovem esfaqueia três e um morre na zona leste de SP

Um menino, de 15 anos, morreu após ser esfaqueado por um estudante, de 20 anos, na tarde de ontem, na casa onde vivia, na Vila Renata, zona leste de São Paulo. O estudante também tentou matar o irmão da vítima, um garoto de 12 anos, e a mãe deles, uma cozinheira, de 39 anos, com quem namorava. Em seguida, tentou suicídio, segundo a Polícia Militar (PM).

PEDRO DA ROCHA, Agência Estado

20 de dezembro de 2010 | 17h10

Policiais militares foram chamados no local e ouviram gritos de socorro vindos da casa, que estava trancada. Os policiais arrombaram a porta e encontraram a cozinheira. Ela estava ferida e disse que o namorado tentou matá-la.

Em um dos cômodos da casa estava o namorado da cozinheira e o filho dela, de 12 anos. Ambos estavam no chão, feridos. Em outro cômodo encontraram Matheus, o filho mais velho esfaqueado no peito. Os quatro foram socorridos ao Hospital Sapopemba. O caso foi registrado no 70º Distrito Policial (Vila Ema) como homicídio qualificado consumado e tentativa de homicídio.

Tudo o que sabemos sobre:
violênciaSPzona leste

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.