JP Morgan diz que endereços de 76 milhões de clientes vazaram

Nomes, endereços, telefones e e-mails de aproximadamente 76 milhões de pessoas e 7 milhões de pequenas empresas foram expostos quando sistemas do JPMorgan Chase & Co foram invadidos por hackers em um ataque cibernético, informou a companhia em comunicado nesta quinta-feira.

REUTERS

02 de outubro de 2014 | 19h56

A companhia informou, no entanto, que "não há evidências de que informações da conta desses clientes -- como número da conta, senha, data de nascimento ou número de seguridade social -- tenham sido comprometidos durante o ataque."

A companhia disse que ainda não viu "nenhuma fraude inusual relacionada ao incidente".

A companhia disse em comunicado aos clientes que não acredita ser necessário mudanças de senha ou de informações de conta.

Com 83 milhões de clientes afetados, o ataque é um dos maiores já registrados.

(Por Tanya Agrawal em Bangalore, David Henry em Nova York e Jim Finkle em Boston)

((Tradução Redação Rio de Janeiro, 55 21 2223 7155))

Mais conteúdo sobre:
TECHFINANCASJPMORGAN*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.