Juíza aceita denúncia contra bombeiros e PMs do RJ

A juíza Ana Paula Monte Figueiredo Pena Barros, da Auditoria da Justiça Militar do Rio de Janeiro, aceitou denúncia do Ministério Público Estadual (MP) contra 429 bombeiros e dois policiais militares. Eles responderão pelos crimes de motim, dano em material ou aparelhamento de guerra, dano em aparelhos e instalações de aviação e navais, e em estabelecimentos militares.

CLARISSA THOMÉ, Agência Estado

13 Junho 2011 | 20h37

O processo inicial foi desmembrado. Um reúne os dois PMs e 14 bombeiros considerados os líderes do motim. Os demais 415 permanecem agrupados na ação principal. A denúncia do MP relaciona 14 veículos danificados e portões danificados, além de dez salas afetadas, entre escritórios, refeitório, cozinha e ambulatório.

Mais conteúdo sobre:
ombeiros greve RJ denúncia MP

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.