Júri do Carandiru é composto por sete homens

O corpo de jurados da segunda etapa do julgamento do Carandiru é formado por sete homens. O sorteio do Conselho de Sentença terminou por volta das 11h20 desta segunda-feira, 29, no Fórum Criminal da Barra Funda, zona oeste de São Paulo. Segundo o cronograma, os jurados têm até o meio-dia para a leitura dos processos. Após intervalo para o almoço, estão previstas as oitivas das testemunhas de acusação - parte delas prestarão depoimento em vídeo.

Agência Estado

29 de julho de 2013 | 12h05

Considerada a mais importante do processo, a segunda fase do júri envolve 26 policiais militares acusados de matar 73 detentos no segundo andar do Pavilhão 9 do Complexo do Carandiru. Ao todo, 111 presos morreram no massacre do dia 2 de outubro de 1992.

O juiz responsável por este julgamento não é o mesmo do primeiro júri, realizado em abril deste ano. José Augusto Nardy Marzagão foi removido para a Comarca de Atibaia, a pedido próprio. Quem preside a nova etapa é o juiz Rodrigo Tellini de Aguirre Camargo. A previsão, segundo ele, é de que a sentença saia entre a noite desta sexta-feira, 2, e a madrugada de sábado, 3.

Mais conteúdo sobre:
Carandirujulgamento

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.