Justiça apreende filhos de ciganas que pediam esmola

Duas crianças foram separadas de suas mães e conduzidas para uma casa transitória durante o fim de semana em Jundiaí, no interior de São Paulo. As mães eram ciganas desempregadas e pediam esmolas no centro da cidade.

FABIANA MARCHEZI, Agencia Estado

17 de março de 2010 | 15h23

De acordo com a Secretaria de Segurança Pública do Estado, A Vara da Infância e da Juventude recebeu uma denuncia anônima sobre a atitude das duas mães e determinou que as crianças - de um e 12 anos - fossem levadas a uma casa transitória.

Tudo o que sabemos sobre:
Jundiaíciganasesmolacrianças

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.