Justiça manda MetrôRio indenizar repórter agredido

A juíza Maria Christina Rucker, da 52ª Vara Cível do Rio de Janeiro, condenou a MetrôRio, concessionária que administra o metrô carioca, a pagar R$ 20 mil ao jornalista Pedro Dantas como indenização por danos morais.

FÁBIO GRELLET, Agência Estado

02 de maio de 2012 | 19h28

Dantas foi agredido por seguranças enquanto, como repórter do Estado, cobria uma visita de integrantes do Comitê Olímpico Internacional (COI) ao metrô, em 1º de maio de 2009. Ele foi abordado e, mesmo após se apresentar como jornalista, foi agredido e ameaçado. A MetrôRio informou nesta quarta-feira que não vai comentar a decisão. Ainda cabe recurso da condenação, emitida em primeira instância.

Tudo o que sabemos sobre:
indenizaçãoMetrôRio

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.