Juventude tucana culpa Haddad

A Juventude do PSDB da cidade de São Paulo divulgou nesta terça-feira uma nota em que afirma que não participará dos protestos do Movimento Passe Livre (MPL) porque se transformaram "em movimento político onde (sic) um dos intuitos é de enfraquecer o governo de São Paulo".

Agência Estado

19 de junho de 2013 | 08h24

De Para a JPSDB Paulistana, "a superlotação no metrô e na CPTM (Companhia Paulista de Trens Metropolitanos) está diretamente ligada à incapacidade do prefeito (Fernando Haddad) de assumir suas responsabilidades e fazer funcionar, devidamente, os ônibus da cidade, e a um preço justo". A Juventude culpa o prefeito Fernando Haddad (PT) pelos excessos nos atos. As informações são do jornal O Estado de S. Paulo.

Tudo o que sabemos sobre:
protestosSPjuventude tucana

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.