Kapoor defende sua torre no Parque Olímpico de Londres: é bela

O premiado artista Anish Kapoor disse na sexta-feira que os britânicos passarão a gostar mais de sua torre vermelha no Parque Olímpico de Londres, assim como as pessoas passaram a apreciar outras estruturas que foram criticadas no início, como a Torre Eiffel.

REUTERS

11 Maio 2012 | 16h01

A estrutura de 115 metros de altura, maior do que o Big Ben e a Estátua da Liberdade, de Nova York, tem dividido opiniões. Alguns dizem que ela parece um grande escorregador ou uma tubulação de água.

O artista, entretanto, disse a jornalistas que a torre ganhará o público. "Acho que tudo bem a polêmica; é parte do negócio goste ou não", disse ele.

Quando questionado se achava a estrutura bonita, ele disse "sim".

"Ela é complicada, ela abre caminhos."

Ele disse que a obra é experimental e desestabilizadora. "Eu acho que essa desestabilização é parte do curioso mundo da ‘beleza'."

Ele observou que a Torre Eiffel, de Paris, foi considerada a estrutura mais horrorosa quando foi construída.

"Não pensamos mais dessa forma, não é? Essas coisas têm a ver com a forma que as pessoas passam a vê-la", disse ele.

A torre de 22 milhões de libras (35 milhões de dólares), ou órbita, é a maior obra de arte financiada pelo dinheiro público. Alguns críticos disseram que foi desperdício de dinheiro em uma época em que o país enfrenta cortes nos gastos e acabou de sair da recessão.

(Por Avril Ormsby)

Mais conteúdo sobre:
OLIMP TORRE KAPOOR*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.