Ladrões incendeiam casa com vítima dentro em Jandira

Uma pessoa, ainda não identificada, morreu carbonizada ao ter a casa invadida e incendiada por assaltantes, na noite de ontem, no condomínio Chácara do Peroba, na Alameda República do Uruguai, em Jandira, região oeste da Grande São Paulo.

RICARDO VALOTA, Agência Estado

30 Março 2012 | 04h33

Um Citroën C3 preto, em nome de Dafne Filellini, teria sido levado da residência, não se sabe se com alguma vítima dentro. Os celulares do casal que reside no local, até as 3h45, permaneciam na caixa postal. Não se sabe ainda o sexo da pessoa encontrada amarrada e carbonizada dentro do imóvel, que foi incendiado por volta das 22h.

Quatro homens e uma mulher, todos com passagem pela polícia e supostamente ligados à facção criminosa Primeiro Comando da Capital (PCC), foram detidos por guardas municipais na Rua Avelino de Abreu Silva, no Jardim Gabriela, ainda em Jandira, no momento em que transferiam objetos levados da residência, boa parte formada por eletrodomésticos, de um Mercedes ML 430, das vítimas, para um Fiat Fiorino branco.

Em patrulhamento na região, os guardas desconfiaram do grupo e o abordaram. Os até então suspeitos tentaram fugir, mas foram detidos. Pela placa do Mercedes, os guardas conseguiram descobrir o endereço do proprietário do carro e chegaram à residência, que já estava destruída pelo fogo. No local, os bombeiros haviam acabado de apagar as chamas. A polícia ainda apura mais detalhes do caso, que será registrado no Distrito Policial Central de Jandira.

Mais conteúdo sobre:
assalto vítima incendiada Jandira

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.