Lambaris, tabaranas e traíras no Rio Tietê

Biólogos do Departamento de Águas e Energia Elétrica de SP tentam reproduzir em laboratório três espécies de peixes para repovoar o Rio Tietê. Tabaranas e lambaris já foram introduzidos e a próxima deve ser a traíra. Antes de soltá-los, os biólogos se certificam se as espécies já ocorriam no rio. / KARINA NINNI, COM AGÊNCIAS

O Estado de S.Paulo

25 Março 2012 | 03h06

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.