Lauryn Hill encerra 1ª noite do Festival Black2Black

A cantora americana Lauryn Hill fez o encerramento da primeira noite do Festival Back2Black, no Rio, nesta sexta-feira. Ao contrário do que era esperado, Hill não atrasou, como fez em seu último show em São Paulo, em 2010, e apresentou um set memorável, com hits de sua carreira solo e de suas participações com o grupo Fugees.

ROBERTO NASCIMENTO, Agência Estado

24 de novembro de 2012 | 14h09

A cantora também lembrou o Dia da Consciência Negra, e chamou ao palco Gabriel O Pensador para traduzir sua canção/poema intitulada Black Rage (Fúria Negra), um grito contra a opressão dos negros no mundo inteiro. "Fúria negra é fundada naqueles que nos serviram autoflagelo. Mentiras, abuso... traição espiritual", enumerou. "Quando o bicho pega, me lembro de todas estas coisas e não temo", completou o Pensador.

A primeira noite teve um excelente show da cantora nigeriana Nneka, que faz soul music com sotaque africano. Nneka é dona de um impressionante falseto, e paira sobre suas canções com rara força e definição. Quando usa seus agudos sem parcimônia, no ápice de seu show, leva a plateia ao delírio.

O festival continua nesta sábado e domingo, com apresentações de Missy Elliott, Santigold e outros. Os ingressos da primeira noite esgotaram, e o público lotou a antiga Estação Leopoldina, onde é realizado o Back2Black. O festival, que tem foco em música e cultura negra, conta também com discussões literárias.

Tudo o que sabemos sobre:
festivalLauryn Hill

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.