Líder do Estado Islâmico pede ataques na Arábia Saudita

O líder do Estado Islâmico, Abu Bakr al-Baghdadi, pediu a realização de ataques na Arábia Saudita, disse que seu califado está se expandindo pelo mundo árabe e pediu por "vulcões de jihad (guerra santa)" em todo o mundo em um discurso feito supostamente em seu nome nesta quinta-feira.

REUTERS

13 Novembro 2014 | 14h38

Baghdadi disse ainda que uma campanha militar liderada pelos Estados Unidos contra seu grupo na Síria e no Iraque está fracassando. A Reuters não pôde verificar de forma independente a autenticidade do discurso, divulgado em sites jihadistas na Internet.

Mais conteúdo sobre:
ARABIASAUDITA ESTADOISLAMICO ATAQUE*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.