Líderes de 14 partidos na Câmara assinam nota em apoio a Temer

Líderes de 14 partidos assinaram na terça-feira uma nota em apoio à candidatura do deputado Michel Temer (PMDB- SP) à presidência da Câmara. A eleição, que é feita por meio de uma votação secreta, está agendada para a próxima segunda-feira. As legendas que integram oficialmente a coalizão que sustenta a candidatura de Temer são PMDB, PT, PSDB, DEM, PR, PDT, PTB, PV, PPS, PSC, PHS, PTdoB, PTC e PRB. "Na medida em que conta com o apoio das agremiações partidárias e das bancadas, os líderes vêm a público dizer que o deputado Michel Temer não é o candidato de um partido, mas da instituição", destacou o comunicado assinado pelos líderes e divulgado pela Agência Câmara. Se todos os deputados desses partidos seguirem seus líderes, Temer obterá a grande maioria dos votos e será o sucessor de Arlindo Chinaglia (PT-SP). Para se eleger presidente da Câmara, um deputado precisa obter ao menos 257 votos. Ao todo, há 513 deputados. Além de Temer, os deputados Aldo Rebelo (PCdoB-SP), Ciro Nogueira (PP-PI) e Osmar Serraglio (PMDB-PR) são candidatos. No Senado, onde a eleição para a presidência da Casa também ocorrerá na próxima segunda-feira, os candidatos são Tião Viana (PT-AC) e José Sarney (PMDB-AP). (Reportagem de Fernando Exman)

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.