Linha do tempo

Colonial - Nos tempos de sinhás e coronéis uma disputa entre a elite rural fez surgir vários quitutes brasileiros. O requeijão nasceu como derivado da coalhada - o leite azedo -, para aproveitar a sobra de leite e diversificar o café colonial. A receita sofreu variações regionais e deu origem a diversos tipos e denominações de requeijão. Moderno - Em 1911, o imigrante italiano Mario Silvestrini cria o Requeijão Cremoso Catupiry, na cidade de São Lourenço. Copo - No meio da década de 50, com o desenvolvimento de tampas metálicas para copos, os Laticínios Poços de Caldas envasam o requeijão. Mutação - No final da década de 90 começam a aparecer os lácteos - denominação de produtos feitos com a técnica do requeijão, mas com a adição de gorduras vegetais e amidos.

O Estado de S.Paulo

21 Fevereiro 2008 | 04h09

Encontrou algum erro? Entre em contato

publicidade

publicidade

publicidade

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.