Liquidez de trigo segue baixa no mercado interno--Cepea

A liquidez do trigo no mercado doméstico brasileiro segue baixa desde o início de 2013, informou o Centro de Estudos Avançados em Economia Aplicada (Cepea) nesta terça-feira.

Reuters

19 de março de 2013 | 16h58

Segundo o centro, ao longo deste ano, a comercialização do trigo no mercado doméstico ainda não conseguiu deslanchar por conta de um recuo de compradores devido aos altos preços internos e dos bons volumes importados no primeiro bimestre, os maiores para o período desde 2010.

As importações devem aumentar ainda mais a partir de 1o de abril, com uma isenção da Tarifa Externa Comum (TEC) para a importação de 1 milhão de toneladas de trigo de países não pertencentes ao Mercosul, acrescentou.

Além disso, compradores também aguardam os leilões de venda do governo, previstos para quinta-feira.

Na última semana, no Paraná, o preço médio do trigo no mercado balcão avançou 0,3 por cento e no de lotes recuou 0,4 por cento. O mercado gaúcho registrou uma queda de 1 por cento ao produtor e alta de 1,6 por cento no segmento de lotes. Em São Paulo os preços médios subiram 0,6 por cento.

(Por Laiz de Souza)

Tudo o que sabemos sobre:
COMMODSTRIGOCEPEA*

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.