Lula defende debate entre ambientalistas e ruralistas

Pressionado por ecologistas e produtores rurais nas questões ambientais, o presidente Luiz Inácio Lula da Silva indicou hoje que o governo quer sair da discussão ideológica. "Eu penso que hoje nós não precisamos mais ideologizar esses temas", defendeu Lula durante o lançamento do Plano Agrícola e Pecuário 2009/10, em Londrina (PR).

SANDRA HAHN E MÁRCIA DE CHIARA, Agencia Estado

22 de junho de 2009 | 22h44

Segundo o presidente, os adversários do Brasil no exterior adotam discurso ideológico para criticar determinadas políticas nacionais como os biocombustíveis. "Não metam o dedo sujo de combustível fóssil no nosso combustível limpo", contrapôs Lula.

Ele fez referência a discussões ambientais que interferiram no andamento de projetos hidrelétricos, mas não tinham embasamento técnico, para defender que o Brasil tem presença de destaque em fóruns internacionais e isso aumenta a responsabilidade do País na questão ambiental.

Tudo o que sabemos sobre:
AmbienteLula

Encontrou algum erro? Entre em contato

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.