Lupi não será mais assessor especial no Rio

A assessoria de imprensa da prefeitura do Rio informou neste domingo que o ex-ministro do Trabalho, Carlos Lupi, presidente do PDT, não será mais assessor especial do gabinete do prefeito. A nomeação de Lupi tinha sido publicada no Diário Oficial do município na última sexta-feira (17). A prefeitura informou que Lupi é funcionário da prefeitura e reassumirá o cargo no governo municipal, mas não informou que função ele terá. O prefeito Eduardo Paes não quis comentar a mudança. "Hoje só trato de assuntos de Momo", afirmou o prefeito no Sambódromo.

LUCIANA NUNES LEAL, Agência Estado

19 de fevereiro de 2012 | 23h12

Tudo o que sabemos sobre:
LupiRioPrefeitura

Encontrou algum erro? Entre em contato

Comentários

Os comentários são exclusivos para assinantes do Estadão.

O Estadão deixou de dar suporte ao Internet Explorer 9 ou anterior. Clique aqui e saiba mais.